sábado, 19 de dezembro de 2015

HORTA COMUNITÁRIA DA LOMBA DO PINHEIRO E SEUS PERMANENTES DESAFIOS



A horta comunitária da Lomba do Pinheiro é um projeto coletivo de produção orgânica segundo os princípios da ecologia, com enfoques pedagógico, terapêutico e de inclusão social.  Está situada dentro da área do Centro Cultural conquistado por esforços de lideranças da Lomba do Pinheiro através do Orçamento Participativo (quatro hectares de área).

A história desta importante Horta Comunitária se inicia em maio de 2004, com a implantação do Comitê Regional do Fome Zero na região da Lomba do Pinheiro, cujo foco principal era trabalhar com famílias com crianças de zero a seis anos de idade em risco nutricional.

O objetivo principal da Horta Comunitária, na sua fundação, era contribuir na organização da sociedade civil através de uma alternativa de trabalho e produção de hortaliças, plantas medicinais e outros hortifrutigranjeiros, onde o fruto do trabalho promovesse o complemento alimentar e renda, em grupos organizados e dos próprios produtores.

O Comitê Regional da Lomba do Pinheiro contava com quatro núcleos: Centro Cultural – Denominado Sanit Hilaire (acompanhado Por Ivone Chaves (Preta), Zé da Lomba e Geovani); Recreio da Divisa (acompanhado por Teresa Dutra, Zailde e Mari) 5ª do Portal (acompanhado por Isabel e Bernadete) e Vila dos Herdeiros (acompanhado por Rui e Luisão). Para estes núcleos eram destinados mensalmente uma cesta básica alimentar, distribuídos para 180 famílias.

Nessa época era garantido a manutenção para duas Hortas Comunitárias – uma no Centro Cultural que era coordenado por Ivone Chaves com apoio e instrução do senhor Zé da Lomba e do Engenheiro Agrônomo Celso da UFRGS e contava ainda com o apoio da EMATER, CAD/Lomba do Pinheiro, CAR Lomba/Partenon, SMGL, SMED, SMS através dos PSF’s da região e da Paróquia Santa Clara. A outra Horta foi inicia no Recreio da Divisa, mas não prosperou por ameaça de grupos de hostis que arrancavam as plantas vingadas.

Na Horta do Centro Cultural haviam dezoito famílias engajadas e produziam rúculas, rabanetes, alfaces, plantas medicinais, tomates, beterraba, pimentão, berinjela, etc. Foi construído no local um forno de barro, onde eram feito pães. Havia também previsto a implantação de duas cozinhas comunitárias: uma foi destinada para a UTC e a outra iria ser implantada no centro cultural, no prédio destinado ao SASE, que foi demolido para a construção da Praça da Juventude.

Com a transição do governo municipal, em 2005 o Comitê Regional foi desativo e a Horta Comunitária, por dificuldades operacionais e apoio governamental, parou de funcionar e produzir. 

Somente em 2013 é retomada numa nova perspectiva. Tem o apoio governamental da Prefeitura de Porto Alegre, novamente da UFRGS, da SMED que cede 40 horas do professor Flávio Burg que junto com Lurdes coordenam essa iniciativa na região. Desde esse período (2013) já passaram pela Horta Comunitária mais de dez mil pessoas – trabalhando, visitando, participando de oficinas, eventos e formações.

Nesse dinâmica, envolvem vários segmentos da região tem como principais aliados a secretaria de saúde e SMED, bem como outros atores comprometidos com as questões ambientais e outros departamentos da prefeitura de Porto alegre, como o CAR Lomba.

Atualmente a Horta Comunitária tem se tornado uma referência importante na Capital Gaúcha. Tem produzido hortaliças, chás, temperos, e outros produtos que são colhidos e distribuídos de forma igualitária entre os participantes. Também ocorrem oficinas de xaropes, sal tempero, doces e geleias, de forma coletiva e participativa.

Faz parte também desse projeto a preservação da mata nativa que circunda a área de cultivo da Horta (7 mil metros quadrados), bem como a limpeza e revitalização do Arroio Taquara. Recentemente a mesma foi premiada e contemplada com um recurso de três mil reais para ajudar na sua manutenção.
Uma das principais lutas que engajou todos os seguimentos da região da Lomba do Pinheiro, foi proposição aprovada pelo Conselho do Plano Diretor do gravame de uma rua que passaria por dentro da área da Horta. Com a pressão feita, restou ao prefeito a revogação dessa decisão, conforme informado pelo mesmo.

Para assegurar a garantia da preservação da Horta, está sendo votado no próximo dia 21/12/2015, às 14h, na Câmara de Vereadores de Porto Alegre, o projeto de Lei do Vereador Airton Ferronato: PROC. Nº 2362/15 - PLL      Nº 232/15

Art. 1º Fica Instituído Como Área de Preservação Ambiental e Sócio-Cultural                     O TERRENO de Propriedade da Prefeitura Municipal de Porto Alegre Localizado na Estrada João de Oliveira Remião, Nº 5088. Bairro Lomba do Pinheiro, Conforme Anexo Desta Lei.

Parágrafo único. As Construções e os Equipamentos Existentes NO TERRENO Referido no Caput Deste Artigo Serão Preservados.

Art. 2º Esta Lei Entra em Vigor na Data de Sua Publicação. 


Toda comunidade é convidada para estar presente nessa sessão para ajudar sensibilizar os demais vereadores na aprovação do mesmo. O Conselho Popular estará presente e contribuirá para a permanência dessa importante iniciativa na região – A HORTA COMUNITÁRIA DA LOMBA DO PINHEIRO!!

Francisco Geovani de Sousa
Coordenador do Conselho Popular 
da Lomba do Pinheiro

quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

Beco da Taquara Muda de Nome para Avenida Adão Pretto

A Câmara de Vereadores de Porto Alegre aprovou, na tarde da quarta-feira (9/12) o projeto de lei que denomina Avenida Adão Pretto e altera o logradouro público cadastrado como Beco da Taquara que inicia na parada 16 e segue ate a parada 9 da Lomba do Pinheiro, proposto pelo vereador Carlos Comasseto.

O referido logradouro até 1992, pertencia ao Município de Viamão até o advento da anexação de sete vilas à Porto Alegre. Esta via é uma das principais da região e costa todo o Parque Saint Hilaire circula uma das maiores linhas de ônibus (Bonsucesso). Devido a importância da mesma, já não cabia mais ser chamada como "beco" e ganhou a estatura de "avenida".

Com a sanção do prefeito José Fortunatti, na tarde desta quarta-feira (16/12/2015), foi cerrado a placa celebrando a alteração da mesma, a partir de então, para ser chamada como: AVENIDA DEPUTADO ADÃO PRETTO.

QUEM FOI ADÃO PRETTO: Adão Pretto, sendo um pequeno agricultor, sempre foi um homem ligado às questões camponesas, tendo iniciado sua trajetória política no Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Miraguaí, participou das Comunidades Eclesiais de Base (CEBs) e da Comissão Pastoral da Terra (CPT), instituições ligadas à Igreja Católica, além de ser um dos fundadores do Movimento dos trabalhadores rurais sem-terra no Rio Grande do Sul. No ano de 1980 filiou-se ao PDT e em 1985, migrou para o PT, sendo eleito deputado em seis ocasiões consecutivas: como deputado estadual constituinte no ano de 1986, como um dos primeiros deputados do PT gaúcho. No ano de 1990 foi eleito como deputado federal revisor, e reeleito como deputado federal nos anos de 1994, 1998, 2002 e 2006. O deputado era presidente da Comissão de Legislação Participativa e foi um dos membros brasileiros do Parlamento Latino-americano.
Como parlamentar, opunha-se aos ruralistas na Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural. Sua principal bandeira política foi a reforma agrária. Chegou a escrever um livro sobre o tema: "Queremos Reforma Agrária" (Editora Vozes, 1987). Sempre se destacou na defesa da causa dos movimentos sociais populares, em especial aos ligados as questões do campo como a defesa dos interesses dos pequenos agricultores e da luta do MST, pois fez de seus mandatos ambientes institucionais para a articulação dos movimentos sociais populares no Brasil.
Vitimado por uma pancretite, estava internado havia 20 dias em estado grave na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Moinhos de Vento, em Porto Alegre, onde faleceu devido a uma parada cardíaca durante uma intervenção com o objetivo de retirar o órgão, no dia 5 de fevereiro de 2009.
O Conselho Popular da Lomba do Pinheiro faz o registro para divulgar o feito!

Francisco Geovani de Sousa
Coordenador do Conselho Popular
da Lomba do Pinheiro

quarta-feira, 16 de dezembro de 2015

A Lomba do Pinheiro ganha Novo Corredor de ônibus, na Av. Bento Gonçalves.


Na manhã (7h30) desta quarta-feira (16/12/2015), foi prestigiado o início do funcionamento do Novo Corredor de ônibus na avenida Bento Gonçalves, num trecho de 1,1 quilômetros. O mesmo tem início na divisa com Viamão e se estende até a Estrada João de Oliveira Remião, onde as linhas fazem a transição para o Corredor já existente.

Estiveram presentes no ato os prefeitos de Porto Alegre José Fortunatti e o de Viamão: Valdir Bonatto, além do Diretor-Presidente da EPTC Vanderlei Cappellari, e várias lideranças da região da Lomba do Pinheiro.

Esse corredor é mais uma das alternativas para contornar o grave problema de congestionamento nesse trecho, em particular, na região da Lomba do Pinheiro. Anteriormente já havia sido feito a criação de uma terceira faixa na saída da Lomba do Pinheiro e um Contra fluxo que parte do CEITEC até a siada da Lomba, no horário do Pico.

A grande demanda apontada pelo Conselho Popular da Lomba do Pinheiro, desde 2010, é a possibilidade de construir uma elevada por cima do leito do Arroio Dilúvio até a divisa com Viamão, com a Extensão da Avenida Ipiranga. Essa pauta já está no planejamento de ações para 2016 e partir de janeiro será retomado junto com os prefeitos dos dois municípios, conforme conversado com os mesmos nesta manhã, neste ato.

No trecho do novo corredor há quatro pontos de paradas e circulam 72 linhas metropolitanas, oito urbanas e uma lotação. O mesmo fica à direita da via, com sinalização horizontal específica na cor azul e placas regulamentares. Com os 9.400m já existente passa para 10.500m de corredor de ônibus a partir dessa implementação.

Funcionará das 6h às 9 h e realizará 113 viagens com linhas urbanas, contemplando 8 mil passageiros. Com essa ideia de corredor a proposta é priorizar o transporte coletivo e consequentemente beneficiar os passageiros com a redução nos tempos de viagens.

O Conselho Popular saúda essa implementação por entender que a mesma proporcionará benefício à população usuário do transporte coletivo e contornando os problemas da mobilidade urbana existente. Manteremos o debate já em curso junto com a EPTC para aprimoramento da qualidade do transporte público e sobre a Extensão da Avenida Ipiranga.



Francisco Geovani de Sousa
Coordenador do Conselho Popular
da Lomba do Pinheiro

quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

Prefeito Comunica ao Conselho Popular, REVOGAÇÃO à Abertura da Rua que Prejudicaria a Horta



Na noite desta quinta-feria (03/12/2015), o gestor do CAR Lomba do Pinheiro, o senhor Copinaré Acosta, informou o pedido do prefeito José Fortinati, dirigido ao Conselho Popular da Lomba do Pinheiro, referente à sua decisão de revogação da Abertura de Rua que passaria por área do Centro Cultural e prejudicando o andamento da Horta comunitária, conforme segue:

"Prezado Gestor Geral Copinaré, solicito que informe ao Conselho Popular da Lomba do Pinheiro de que estou de acordo com a visão dos Conselheiros e os argumentos apresentados a respeito desse processo e, desta forma, NÃO irei homologar a decisão do CMDUA. Assim a decisão tomada pelo Plano Diretor fica revogada preservando a Horta Comunitária e o meio ambiente. Abraços José Fortunati, Prefeito".

Alertamos que na noite de ontem (02/12/2015) na reunião de planejamento do Conselho Popular havia sido agendado uma paralisação para o dia 18/12/2015, às 7h na saída da Lomba do Pinheiro, como Protesto a surdez dos eminentes conselheiros do Plano Diretor, que do alto da sua arrogância não deram ouvidos aos apelos justos da comunidade. O Conselho Popular iria iniciar o primeiro ato de protesto à essa decisão.

Na manhã dessa sexta-feira (04/12) o Grupo e Trabalho designado para organizar a paralisação, sentará e revisará essa deliberação, em razão da informação passada pelo prefeito. Registramos, no entanto, a relevante iniciativa dos nossos Conselheiros: Rodrigo e Diaran que alertaram sobre esse problema, às lideranças da região, e que de forma muito atenta foi encorporada pela Lurdes e Flávio a tarefa de incentivar as demais lideranças a não aceitar essa decisão, que era unânime por todos.

Mesmo tendo sido acompanhado todas as reuniões daquele CMDUA, não bastou para que essa contrariedade fosse considerada e o tal processo da Gravame da Rua foi aprovado a revelia do pedido da comunidade. Por esta razão o Conselho Popular se manifestou e iria promover uma ampla mobilização de protesto a essa votação feita por esses senhores, que tudo indica a serviço da especulação mobiliária, como dava entender.

O Conselho Popular agradece a postura do prefeito, principalmente pelo respeito as posições deste Conselho Popular, ao nos informar sobre a sua decisão. Diante disso, a nossa posição será de cancelamento ao ato de paralisação, mas mantendo-se a vigilância aos passos seguintes.

Salve a organização popular e a justa luta dos diversos atores sociais preocupados com o bem comum da nossa região.

Francisco Geovani de Sousa
Coordenado do Conselho Popular
da Lomba do Pinheiro

quarta-feira, 2 de dezembro de 2015

Avaliação e Planejamento de Ações do Conselho Popular é Feito por Lideranças da Região




Na noite desta quarta-feira, 02/12/2015 lideranças da região da Lomba do Pinheiro se reuniram para avaliar ações desenvolvidas pelo Conselho Papoular, no ano de 2015, bem como organizar planejamento para 2016.

Foram ressaltadas ações emblemáticas realizadas nesse período, como: o curso de formação desenvolvido com cerca de 60 pessoas e em cinco módulos distintos; a audiência pública sobre a extensão da Avenida Ipiranga;  encontro com Migrantes Haitianos; debate sobre a qualidade do transporte coletivo; entre outros temas, foram algumas das  atividades bem desenvolvidas pelo Conselho Popular da Lomba do Pinheiro.

No debate para o Planejamento/2016, foram pautados seis pontos importantes a serem organizados pelo conjunto da militância. Para 2015 ainda coube a decisão de UMA AMPLA PARALISAÇÃO da Região Lomba do Pinheiro chamando a atenção dos moradores da Capital sobre a afronta do Conselho do Plano Diretor que aprovou gravame de abertura de uma rua sem a menor necessidade da mesma, e com fortes indícios de favorecimento a especulação imobiliária na Região, entre outras lacunas da falta de políticas públicas para o bairro.  A pauta para 2016 inclui os seguintes temas:

1 - PROTESTO SOBRE ABERTURA DA RUA QUE ATINGE ÁREA DO CENTRO CULTURAL E HORTA COMUNITÁRIA - Como encaminhamento foi tirado para o dia 18/12/2015, às 7 horas, na entrada da Lomba do Pinheiro, uma ampla paralisação contestando a decisão do Conselho do Plano Diretor que aprovou o Gravame dessa rua, contrariando a vontade da comunidade.

2 - REALIZAÇÃO DE SEMINÁRIO EM MARÇO DE 2016, CUJO PÚBLICO DIRIGIDO SÃO ADOLESCENTES E JOVENS DA REGIÃO  - o propósito é debater a importância da juventude no Cuidado da Praça da Juventude (CEU's) e incentivando-os para desempenhar lideranças positivas e protagonismo na vida social da região.

3 - REEDIÇÃO DO CURSO DE FORMAÇÃO PARA LIDERANÇAS - atende o pedido dos cursados de 2015, cuja organização ocorre entre o Grupo de Trabalho composto por lideranças da Região, Receita Federal e UFRGS, que será proporcionado como Extensão Universitária. O público alvo do mesmo são os egressos do curso de 2015 e novos interessados.

4 - INTENSIFICAR O DEBATE SOBRE A MOBILIDADE URBANA A REGIÃO, BEM COMO A QUALIDADE DO TRANSPORTE COLETIVO - Pautar agendas sobre a Extensão da Ipiranga; melhorias nas linhas de ônibus e incrementar o Circular Lomba, bem como agregando a fiscalização e sinalização do trânsito.

5 - CONTINUAR ATIVIDADES SOBRE MIGRANTES HAITIANOS já iniciada em 2015.

6 - MEIO AMBIENTE - reforçar debates sobre arroios da Região e outros aspectos que prejudicam o meio ambiente e a natureza.

As atividades do Conselho Popular são sempre abertas aos interessados com o bom desenvolvimento da Lomba do Pinheiro e seus moradores. As reuniões ocorrem sempre na primeira e terceira quarta-feira do mês, às 19 horas, no CPCA. A participação de todos/as é sempre o bom exemplo para a obtenção do bom êxito das ações coletivas e que favorecem o bem comum.

Francisco Geovani de Sousa
Coordenador do Conselho Popular
da Lomba do Pinheiro

terça-feira, 1 de dezembro de 2015

Lideranças da Lomba do Pinheiro participam da primeira Oficina da Praça da Juventude - CEU's


Na Noite dessa segunda-feira, 30/11/2015, No Centro Cultural da Lomba do Pinheiro, ocorreu a primeira oficina do Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU), em construção na Centro Cultural e previsto inauguração em 2016.

Participaram representantes da Secretaria Municipal de Cultura e diversas lideranças da região. As oficinas servição para capacitar atores sociais e instituições para preparar o bom uso desse importante espaço cultural e esportivo na Lomba do Pinheiro, cuja participação da lideranças é fundamental.

As mesmas ocorrerão nas segundas-feiras, seno a próxima reunião marcada para o dia 14/12/2015, às 19 horas (pontual). Se agende e contribua nesse processo histórico do nosso bairro, protagonizando e contribuindo com sua relevante opinião.

Serão realizadas , no mínimo 7 oficinas , com os seguintes objetivos: 

1ª oficina: Sensibilização acerca do projeto; acordo de calendário de atividades; potencialização da divulgação na comunidade; 

2ª oficina: Grupo Gestor- Gestão Compartilhada -trabalhar com o grupo o pertencimento do bairro; trabalhar o sentimento de coletividade de grupo; trabalhar o conceito de gestão compartilhada;

3ª oficina: Grupo Gestor, Objetivos e Composição - definir os objetivos do grupo; listar os segmentos que devem estar representados; definir a proporção de representações e o número de membros;

4ª oficina: Grupo Gestor, Regras e Institucionalidade- definir as regras básicas de funcionamento do grupo: forma de eleição/ indicação de membros; período de mandato; frequência de reuniões e criar uma comissão executiva para elaborar o estatuto do grupo;

5ª oficina: Usos e Programação - listar proridades coletivas de usos, atividades e programação; listar potenciais parceiros para o funcionamento do CEU;

6ª oficina: Intervenção artística/paisagística - planejamento - definir uma ação de intervenção nos edifícios e/ou nas áreas verdes do CEU e listar potenciais parceiros para a ação, materiais e recursos necessários;

7ª oficina: Intervenção artística/paisagística - ação - executar uma ação de intervenção nos edifícios e/ou nas áreas verdes do CEU; fortalecer o Grupo Gestor formado; promover o sentimento de apropriação em relação ao CEU e dar aos edifícios e espaços externos do CEU a identidade da comunidade.


Cada encontro será oportunizado conhecimentos diferentes, logo dar sequencia e participar de todos os encontros é fundamental.

Francisco Geovani de Sousa
Coordenador do Conselho Popular
da Lomba do Pinheiro

quarta-feira, 25 de novembro de 2015

Praça da Juventude na Lomba do Pinheiro - Um Protagonismo de vários atores sociais e do Puder Público




Lomba do Pinheiro realizará no próximo dia 30 de novembro, das 19h às 22h – no CAR Lomba do Pinheiro – Estrada João de Oliveira Remião, 5250, Oficina se Sensibilização para Ativação do Centro de Artes e Esportes Unificados (CEUs), que será inaugurado em 2016.

A mesma será direcionada especialmente para moradores da Lomba do Pinheiro. Contemplando pessoas de todas as idades, de diversas instituições entidades, grupos e organizações da comunidade. Todos são convidados!

Portanto, representantes das Escolas, Postos de Saúde, Associação de moradores, Conselho Popular, Orçamento Participativo, CORAS, PSF, Cooperativas Habitacionais, ONG’s, Igrejas Grupos culturais, esportivos, demais movimentos sociais, serão muito bem-vindos.

A mobilização social é a oportunidade proporcionada por esse encontro para debater e construir agendas coletivas em benefício do bem comum. Essa ação envolvendo as diversas instituições, atores sociais em parceria com o poder público local, é que proporcionará múltiplas atividades tornado do CEU uma referência no território da região da Lomba do Pinheiro. Principalmente no que concerne a potencialização do seu uso e a sua sustentabilidade.

Serão realizadas, no mínimo 7 oficinas, com os seguintes objetivos:
1ª oficina: Sensibilização acerca do projeto; acordo de calendário de atividades; potencialização da divulgação na comunidade;
2ª oficina: Grupo Gestor- Gestão Compartilhada -trabalhar com o grupo o pertencimento do bairro; trabalhar o sentimento de coletividade de grupo; trabalhar o conceito de gestão compartilhada;
3ª oficina: Grupo Gestor, Objetivos e Composição - definir os objetivos do grupo; listar os segmentos que devem estar representados; definir a proporção de representações e o número de membros;
4ª oficina: Grupo Gestor, Regras e Institucionalidade- definir as regras básicas de funcionamento do grupo: forma de eleição/ indicação de membros; período de mandato; frequência de reuniões e criar uma comissão executiva para elaborar o estatuto do grupo;
5ª oficina: Usos e Programação - listar proridades coletivas de usos, atividades e programação; listar potenciais parceiros para o funcionamento do CEU;
6ª oficina: Intervenção artística/paisagística - planejamento - definir uma ação de intervenção nos edifícios e/ou nas áreas verdes do CEU e listar potenciais parceiros para a ação, materiais e recursos necessários;
7ª oficina: Intervenção artística/paisagística - ação - executar uma ação de intervenção nos edifícios e/ou nas áreas verdes do CEU; fortalecer o Grupo Gestor formado; promover o sentimento de apropriação em relação ao CEU e dar aos edifícios e espaços externos do CEU a identidade da comunidade

Para obter mais informações sobre o projeto CEU’s, acesse o link: http://ceus.cultura.gov.br/ 

Exercera sua cidadania e protagonize esse processo histórico. Participe!

Francisco Geovani de Sousa
Coordenador do Conselho Popular
da Lomba do Pinheiro 

terça-feira, 10 de novembro de 2015

Defesa do Complexo Integrado da Horta Comunitária, Reuni Atores Sociais!




Na manhã desta terça-feira (10/11/2015), foi realizada no Galpão da Horta Comunitária da Lomba do Pinheiro, reunião para debater ações para evitar aprovação de projeto de abertura da Rua 8 da Vila Serra Verde, cruzando por dentro de área onde atualmente é cultivada a referida atividade social, cujo objetivo é chegar à Rua São Paulo e alegação de viabilizar a mobilidade urbana da região.

A reunião com importantes representações de diversas instituições da cidade, tais como: Comissão de Saúde e Meio Ambiente (COSMAM), da Câmara de Vereadores de Porto Alegre - representada pelos Vereadores Marcelo Sgarbossa, Vereadora Jussara Cony e representações dos Gabinetes dos vereadores Kevin Grieger e Airton Ferronato; bem como dos gabinetes da Deputada Stela Farias e Edegar Pretto. Também o CAR Lomba do Pinheiro, UFRGS, Centro Agrícola de Desenvolvimento (CAD); Smurb; Mobicidade; SMED, SMS e várias lideranças da Lomba do Pinheiro.

Este projeto do Complexo Integrado da Horta Comunitária da Lomba do Pinheiro, que compreende mais que plantas medicinais e verduras, congrega também ações ecológicas de preservação ambiental, como o Arroio Taquara e a mata nativa; promove a educação ambiental para crianças, atores sociais e pessoas da terceira idade, bem como a coesão social a partir de atividades desenvolvidas no Centro Cultural instituído na mesma área.

O projeto sem fundamento, como é o caso da abertura dessa rua, não pode ser aceito pelas autoridades competentes. Não são os técnicos, do alto do seu espaço de trabalho, descolados  e distante da realidade da região, que vão tomar decisão contrariando a vontade majoritária dos moradores da região e demais instituições apoiadoras.

É nesse sentido que dialogam os defensores desse símbolo que se tornou a Horta Comunitária da Lomba do Pinheiro, que conforme colocado pelo representante do CAD, o senhor Rudinei, foi iniciada em 2003 - interrompida em 2004 e retomada e atuando novamente de forma exemplar para a cidade.

Todos os presentes são unânimes em não aceitar a aprovação do Gravame em debate no Conselho do Plano Diretor da Capital. Alguns dos argumentos que justificam essa contrariedade da comunidade, são: 1- A referida rua irá causar desapropriação de moradores antigos e não trará qualquer alteração à mobilidade urbana da região (há outras ruas que atendem a essa demanda); 2 - vai alterar área ambiental do Arroio Taquara e consequentemente atingindo o espaço de cultivo da Horta Comunitária, extirpando o projeto em andamento; 3 - Mesmo não passando por dentro do terreno da Horta, os gases poluentes dos automóveis tiram o caráter saudável e orgânico das verduras; 4 - Colocará em risco os usuários da Horta, coso seja aprovada essa rua... etc.

Alguns dos encaminhamentos tirados na reunião: Conselho Popular elaborará documento com assinatura de todas as instituições e representações manifestando-se contra a abertura dessa rua e chamando audiência pública junto com COSMAM e Assembléia Legislativa, onde irá estar presentes o Prefeito de Porto Alegre e demais instituições concernentes ao tema citado; reunião com o Conselho do Plano Diretor, na região para tratar do assunto; COSMAM irá tratar do tema com os seus pares na Câmara de Vereadores; Assembleia Legislativa ira tratar da situação nas comissões pertinentes e continuando a persistência, região irá trabalhar para uma grande paralisação denunciando à cidade esse descaso.

Segundo a representante da Smurb, o processo encontra-se em diligência e estudo do Gravame, mas que não tem aprovação. Diz que o assunto será debatido com o secretário e apresentado à vontade da comunidade.

Breve será comunicado os próximos passos!

Mais informações sobre a Horta, acesse o link: http://cplombadopinheiro.blogspot.com.br/2015/08/medicina-verde-e-debatido-na-horta.html

Francisco Geovani de Sousa
Coordenador do Conselho Popular
da Lomba do Pinheiro

domingo, 18 de outubro de 2015

Almoço de Acolhimento com Haitianos Marca momento de Integração entre os mesmos




Foi realizado neste domingo, 18/10/2015, o almoço de integração e acolhimento dos migrantes Haitianos residentes na Lomba do Pinheiro, com o objetivo de estabelecer vínculos entre os mesmos para em breve trabalhar estratégias de intervenção social em benefício dos mesmos.

O I Encontro com Migrantes na Lomba do Pinheiro foi organizado pelo Conselho Popular da Lomba do Pinheiro e contou com importante parceria do Sindicato da Construção Civil (STICC); Paróquia Santa Clara, CAR Lomba do Pinheiro, SAJUR da UFRGS, FASC, SMS, a Rede de Educadores em Museus (REMRS), o Ponto de Memória Lomba do Pinheiro (PMLP) e estiveram presentes mais de 80 pessoas, contando também, no início da atividade, com o Vice prefeito de Porto Alegre.


O evento foi marcado por rápidas entrevistas com os migrantes promovendo ambientação, referenciação no Mapa do Haiti, onde eram identificadas as cidades que pertenciam, integração entre os mesmo - visto que muitos não se conheciam entre si, seguido do almoço servido para todos. 

Ficou combinado com os mesmo a possibilidade de um segundo encontro, onde se contará com mais participantes. Para isso será tirado representações entre os mesmos para ajudar na articulação. Na Lomba do Pinheiro, a partir de uma sondagem feita por lideranças da região, deve contar com cerca de 200 migrantes Haitianos e Senegalês.  

Para avaliação dos organizadores, a atividade superou as expectativas. Mais uma vez o protagonismo da ação coletiva e ativa do Conselho Popular, demarca as iniciativas realizadas na Lomba do Pinheiro em benefício do bem comum. 

Breve será realizada reuniões de desdobramentos e planejamento para continuidade do mapeamento e novas ações. A Coordenação do Conselho Popular agradece todos atores que contribuíram para o sucesso do evento e continuará buscando alternativas estratégicas dirigidas ao tema em tela.

Francisco Geovani de Sousa
Coordenador do Conselho Popular
da Lomba do Pinheiro

domingo, 11 de outubro de 2015

No encerramento, Lideranças Elogiam o Curso de Formação e Clamam por novas Edições






Na tarde deste sábado 10/10/2015, foi realizado o quinto Módulo do curso de formação para lideranças a Lomba do Pinheiro, organizado pelo Conselho Popular. Contou com a participação especial do Professor e escritor Dr. Pedrinho Guareschi, que coroou esse último momento do curso.

O projeto do curso de formação foi elaborado pela coordenação do Conselho Popular da Lomba do Pinheiro, sendo aperfeiçoado e dinamizado pelo Grupo de Trabalho constituído para este fim, conforme link’s: http://cplombadopinheiro.blogspot.com.br/2015/03/estao-abertas-inscricoes-para-o-curso.html e http://cplombadopinheiro.blogspot.com.br/2015/04/curso-de-formacao-para-liderancas-do.html.

Foram cinco etapas distribuídas com conteúdo específicos e precedidos pela abertura feita pelo Dr, Jacques Alfonsim, que deu o tom inicial. Contou com vários participantes, o que pode ser visto no link:  http://cplombadopinheiro.blogspot.com.br/2015/04/excelente-e-triunfante-abertura-do.html.

O interesse pelo curso foi sendo revelado pelos próprios participantes na medida em que era concluído mais um módulo. Nos links a seguir são descritos o sentimento desses momentos: http://cplombadopinheiro.blogspot.com.br/2015/04/participantes-do-curso-de-formacao.html (módulo I); http://cplombadopinheiro.blogspot.com.br/2015/05/segundo-modulo-do-curso-de-formacao.html  (Módulo II).

Os módulos seguintes também entusiasmaram os participantes – contou no Módulo III, com a importante participação do Auditor Fiscal da Receita Federal do Brasil em Porto Alegre/RS Dão Real Pereira dos Santos  e da Professora Rosa Ângela Cheiza, da Faculdade de Ciências Econômica da UFRGS e Sócia do Instituto Justiça Fiscal, que abordaram sobre o tema – Educação Fiscal e Cidadania – Contextualização do Sistema Fiscal no Estado e suas características, compreendendo o sistema para o controle social democrático.

O Módulo IV abordou o tema – O Controle Social e os desafios atuais: debateu o papel dos agentes sociais e dos conselhos frente ao controle social e seu papel, atribuições, competências e ação com o gestor público. Teve a excelente participação da Assistente Social Rosa Castilhos; Mestre e Doutora em Serviço Social e professora do Curso de Serviço Social da UFRGS. Foi mais um momento de importante troca de saberes.

O urso contou com 81 inscritos, com uma média de participação, por módulo de aproximadamente 50 a 60 pessoas. Embora no decorrer do curso tenham transitado 123 pessoas, que em algum momento estiveram em algum dos módulos.

O encerramento foi marcado por momentos de depoimentos dos participantes revelando sua opinião sobre o que assistiu; a fala de Pedrinho Guareschi – sempre muito rica de conteúdo; interação partilhada com troca de mensagens entre os presentes e confraternização.

Asa falas foram unânimes em avaliar como excelente a iniciativa; a dinâmica, o conteúdo e a metodologia foram fundamentais paro o bom resultado desse curso de Formação. O pedido também foi unânime - É importante a reedição de novos cursos de formação.

A coordenação do Conselho Popular da Lomba do Pinheiro, ao atender o pedido para a realização deste curso, sente-se com sua missão cumprida e feliz por ter atingido o objetivo proposto. Sobretudo ao Grupo de Trabalho que esteve presente em todos os momentos das atividades. Assim como, também, como a importante parceria do Cemitério Jardim da Paz, ONIBUS e o CPCA que colaboraram para o bom êxito dos encontros.


Francisco Geovani de Sousa 
Coordenador do Conselho Popular 
da Lomba do Pinheiro

sexta-feira, 9 de outubro de 2015

Jantar Baile Beneficiente - Criança + Visão


No próximo dia 15/10/2015, a partir das 20 horas, no CTG Pousada da Figueira, situado na Estrada João de Oliveira Remião na parada 17 da Lomba do Pinheiro, será realizado um Jantar baile Beneficiente em prol de criança com necessidades a exames de visão.

A campanha já ocorre na Lomba do Pinheiro em várias edições. Nesta programação busca-se angariar fundos para proporcionar novas consultas aos beneficiados, sem que os mesmos tenham que desprender de custos.

A participação da comunidade da Lomba do Pinheiro nessa atividade é suma importância. O Conselho Popular da Lomba do Pinheiro tem sido parceiro nessas programação, pois entende que é uma ação em que a região é contemplada.

Francisco Geovani de Sousa
Coordenador do Conselho Popular
da Lomba do Pinheiro

segunda-feira, 5 de outubro de 2015

Conselho Popular realizará o encerramento do curso de Formação para Lideranças - dia 10 de outubro

No próximo dia 10 de outubro de 2015, às 14h no CPCA, o Conselho Popular da Lomba do Pinheiro realizará o encerramento do Curso de Formação para Lideranças comunitárias, organizado em cinco módulos e iniciado no mês de abril.

O mesmo contará com a participação especial do Professor Pedrinho Guareschi, Pós-Doutorado e autor de vários livros. Fará uma abordagem sobre: a importância da Formação para lideranças sociais, como instrumento de qualificação do movimento popular, diante da atual conjuntura – “Uma visão Crítica da Mudança Social”.

O Módulo cinco, será uma composição de momentos importantes dos módulos I, II, III e IV. Sendo que no Módulo I se trabalhou os aspectos da identidade social e conhecimento do território de atuação; o Módulo II, tratou dos instrumentos de organização: planejamento, como organizar e coordenar eventos e elaboração de documentos; o Módulo III, Educação Fiscal e Cidadania; e, o Módulo IV, O controle social e os desafios atuais.

Foram momentos de significados estágios de trocas de conhecimentos, cujos participantes refletiram de forma positiva esse processo de absolvição de saberes, retransmitidos pelos qualificados educadores.  

O Conselho Popular mais uma vez contribui para o crescimento qualificado dos nossos agentes sociais em busca de empoderamento de saber para melhor buscar melhorias para a nossa região da Lomba do Pinheiro.

O encontro será aberto para todos interessados, além, é claro, de nossos inscritos e participantes dessa jornada de formação. Estão todos de parabéns pela forma reconhecida e participativa nesse evento – o Grupo de trabalho que desenvolveu o programa e os interessados inscritos que se fizeram presente.

Participem, divulguem! Vai ser muito importante a participação de todos e todas!


Francisco Geovani de Sousa
Coordenador do Conselho Popular
da Lomba do Pinheiro

sexta-feira, 25 de setembro de 2015

VILA DOS HERDEIROS TERÁ AMPLIAÇÃO DE HORÁRIOS DO TRANSPORTE NOS FINS DE SEMANA


Conselho Popular da Lomba do Pinheiro acompanhou nessa quinta-feira, 24/09/2015, reunião na vila do Herdeiros, junto com EPTC e lideranças local, para tratar da proposta de incrementos dos horários da Linha Herdeiros, nos finais de semana – sábado e domingo.

A proposta já havia sido apresentada em reunião anterior com aquela comunidade que ficou de avaliar o tema. Após esse processo remarcou nova agenda nesta data para apreciação dos pontos levantados e para EPTC resolver. Veja link: http://cplombadopinheiro.blogspot.com.br/2015/09/vila-dos-herdeiros-debate-qualificacao.html.

Após amplo debate a proposta foi aprovada pelos presentes com ressalva de avaliação das alterações por noventa dias, ocasião em que se fará nova reunião para concluir se mantém essa operação ou se será proposta nova dinâmica.

A comunidade também reivindicou que o ônibus Herdeiro também possa utilizar o contra fluxo assim como as demais linhas da região utiliza. EPTC ficou de levar o encaminhamento para ser efetivado.

O Conselho Popular, conforme é acompanhado pelo conjunto dos moradores da região, vem buscando incrementar novas melhorias para o bairro, em relação ao transporte coletivo. 

Uma das propostas a ser definida junto com a EPTC, em breve, é a liberação do R31, para embarcar passageiros em todas as paradas dentro da região e não mis intercaladas como ocorre atualmente.

Fique atentos para a convocação de assembleia com oradores da região!

Francisco Geovani de Sousa
Coordenador do Conselho Popular
da Lomba do Pinheiro

sexta-feira, 18 de setembro de 2015

REDE DE ATENDIMENTO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE DA LOMBA DO PINHEIRO REALIZARÁ DEBATE COM CANDIDATOS AO CONSELHO TUTELAR.


A Rede de Atendimento à Criança e ao Adolescente realizará no próximo dia 22/09/2015, a partir das 14 horas, Debate com os postulantes às cinco vagas ao Conselho Tutelar da Microrregião 9 – Lomba do Pinheiro/Agronomia.

A mesma ocorrerá no Centro de Promoção da Criança e do Adolescente (CPCA), na Estrada João de Oliveira Remião, nº 4444 – parada 10, cuja pauta será a apresentação dos candidatos, os quais são convidados a comparecerem nesse dia e horário. Participarão lideranças da região, e profissionais das instituições que trabalham na área.

Pela primeira vez em todo o país, ocorre no mesmo dia e em todos os municípios, Eleição Unificada para os Conselhos Tutelares. A mesma está marcada para o dia 04 de outubro entre às 8h e 17 horas.
Em Porto Alegre o voto é distrital e CADA ELEITOR PODE VOTAR EM ATÉ CINCO CANDIDATOS da sua livre escolha, desde que os mesmos pertençam a mesma Microrregião, sendo vedado o voto em chapa. A Eleição teve seu início dia 26/08/2015 e segue até o dia 03/10/2015.

Na capital Gaúcha são disponibilizados 600 mesários que trabalharão nessas eleições. Para este pleito, o TER disponibilizará 236 urnas eletrônicas em 83 pontos da cidade. No total são 211 candidatos/as na cidade e para a Microrregião são 23, onde os cinco mais votados serão os eleitos.

A Lomba do Pinheiro contará com cinco locais de votação: ESCOLA ESTADUAL AGRONOMO PEDRO PEREIRA (correspondente às escolas - COLEGIO DE APLICACAO DA UFRGS; E. E. INDÍGENA DE ENSINO FUNDAMENTAL FAG NHIN e DESIDÉRIO FINAMOR); ESCOLA ESTADUAL DE ENSINO FUNDAMENTAL MARIA CRISTINA CHIKA (correspondente às escolas - E. E. ENS. FUND. SOLIMÕES; ESC. EST. DE ENSINO FUNDAMENTAL MARIA CRISTINA CHIKA ESCOLA; ESTADUAL RAFAELA REMIAO); ESCOLA MUNICIPAL DE PRIMEIRO GRAU HEITOR VILLA LOBOS (correspondente às escolas - ESC. EST. DE ENSINO FUNDAMENTAL ONOFRE PIRES; ESC. MUN. DE 1 Grau HEITOR VILLA LOBOS – CIEM); ESCOLA MUNICIPAL DE PRIMEIRO GRAU AFONSO GUERREIRO LIMA (correspondente às escolas - ESC. MUN. DE 1 GRAU AFONSO GUERREIRO LIMA; ESC. MUN. DE 1 GRAU AFONSO GUERREIRO LIMA); e, ESCOLA MUNICIPAL DE PRIMEIRO GRAU SÃO PEDRO (correspondente às escolas - ESC. MUN. DE 1 GRAU SAO PEDRO; ESC. MUN. DE 1 GRAU SAO PEDRO ESC. MUN. DE 1 GRAU S’AINT HILAIRE.


Cada eleito é responsável pela escolha de candidatos que qualifiquem os atendimentos ao seu conselho tutelar. O engajamento social é fundamental nessa eleição, visto que ela é diferenciada das demais, pois o voto é facultativo. Participe dessa importante iniciativa da Rede da criança e do adolescente da Lomba do Pinheiro – Microrregião 9.

Francisco Geovani de Sousa
Coordenador do Conselho Popular 
da Lomba do Pinheiro
 

quarta-feira, 16 de setembro de 2015

I ENCONTRO COM MIGRANTES NA LOMBA DO PINHEIRO SERÁ REALIZADO PELO CONSELHO POPULAR



Na noite desta quarta-feira, 16/09/2015 no Centro de Promoção da Criança e do Adolescente (CPCA), foi realizado pelo Conselho Popular, reunião para tratar sobre a situação dos Haitianos na Lomba do Pinheiro.

O encontro contou com participação de lideranças da região, CAR Lomba do Pinheiro, Secretaria de Saúde, SMED, acadêmicos do SAJUR da UFRGS, Paróquia Santa Clara e STICC. O proposito, conforme deliberado na última reunião realizada em 02/09/2015 é pensar estratégias de como acolhe-los e encaminhar suas dificuldades sofridas na região.

Os presentes debateram diferentes alternativas para tratar da situação dos mesmos. Foi descartado inicialmente uma abordagem de entrevistas e coleta de informações, pois poderia inibi-los e dificultar uma aproximação. Os mesmos, conforme relatado, são desconfiados com esse tipo de abordagem.

 As intervenções feitas nessa reunião foram de alta qualidade o que resultou em excelentes encaminhamentos. A questão do idioma que dificulta o acesso aos serviços de saúde, assistência social, educação entre outros; o desemprego e a sublocação no mundo do trabalho; a dificuldade de moradia, saudade da família distante, são algumas das dificuldades apontadas.  

Para não dificultar a possibilidade de um mapeamento inicial, foi pensado primeira a realização de um encontro com os mesmo de INTEGRAÇÃO E ACOLHIMENTO. Com essa aproximação e estabelecimento de vínculos será verificado a melhor estratégia para desenvolver um processo de intervenção social.

Nesse sentido foi aprovado pelos presentes a realização do I Encontro de Integração e Acolhimento dos Migrante na Lomba do Pinheiro, a ser realizado dia 18/10/2015, cujo local será proporcionado pela Paróquia Santa Clara, onde será fornecido um almoço financiado pelo STICC.

Foram dividas tarefas entre os presentas com o objetivo de melhor organizar o evento. Ficando assim distribuídas: coordenação do evento – Conselho Popular; consultar os mesmo para decidir o tipo de cardápio (D. Teresinha, Ana Lúcia e Miguel); Material de ilustração visual (Barbara/SAJUR); Registro Fotográfico (Eduino Matos); Ação com atividades social (CAR Lomba do Pinheiro); e, Orientações gerais de legislação (SAJUR/UFRGS).

Também foi proposto que antes desse encontro se realize uma reunião com alguns migrantes para acertar combinações. Ainda foi sugerido evitar que haja mais pessoas da região e instituições que os migrantes, para evitar inibições.

As ações para a efetivação desse evento serão monitoradas pela coordenação do Conselho Popular, que deseja proporcionar a busca de melhores alternativas para esses povos migrantes. Acolher será a palavra de ordem frente a todas as formas de discriminações, preconceitos e xenofobia. Parabéns a todos participantes interessados e que contribuíram com o bom resultado dessa reunião.


Francisco Geovani de Sousa
Coordenador do Conselho Popular
da Lomba do Pinheiro

sexta-feira, 11 de setembro de 2015

Lomba do Pinheiro Realiza Desfile Cívico


Sob a coordenação da Coordenadora da Creche Estrela Mágica, Fátima Leiria, foi organizado mais uma edição do Desfile Cívico da Lomba do Pinheiro. O mesmo conta com a participação das Escolas e demais instituições da região.

É uma iniciativa louvável e apesar de muitas dificuldades logísticas e apoios governamentais, foi possível a realização do evento.

São bandas maciais e a alegria de muitas crianças participando do desfile elevando o conceito  e valorização do civismo. O Conselho Popular da Lomba do Pinheiro valoriza e incentivou essa iniciativa e parabeniza mais uma vez a coragem e disposição da coordenadora do Evento, Fátima Leiria.

Francisco Geovani de Sousa
Coordenador do Conselho Popular
da Lomba do Pinheiro

DEMANDAS DA COMISSÃO DE TRANPORTE DO CONSELHO POPULAR É ATENDIDA PELA EPTC

Na João de Oliveira Remião, nos dois sentidos no nº. 702, na altura do CEITEC, na parada 2 da Lomba do Pinheiro, entrará em funcionamento mais um pardal, com o objetivo de garantir maior segurança no trânsito da região, a partir da próxima segunda-feira, 14/09/2015, às 7 horas.
Esse eixo da avenida já foi palco de cenários tristes de acidentes com vítimas. A sinalização, assim como a incessante busca pela qualidade do transporte público, é pauta permanente do Conselho Popular da Lomba do Pinheiro, com permanentes reuniões com o Diretor Presidente da EPTC e sua assessoria.
Em 2014, encaminhamos documento com um conjunto de reivindicações e aos poucos estão sendo atendidas. Este pardal, no nosso ponto de vista, contribuirá com a segurança do transito na região evitando novos acidentes graves.
Segundo dados da EPTC, “locais onde há esse tipo de monitoramento, a acidentalidade reduz a zero. Há uma lenda de que os pardais autuam demais, porém, isso não confere com a realidade. Em média, após a instalação de um pardal, menos de 1% dos condutores desrespeitam os limites da velocidade”, afirma Marcelo Soletti, Diretor de operação da EPTC.
A comissão de transporte do Conselho Popular estará presente nesse ato. Outras demandas de semelhantes já estão pleiteadas para beneficiar a comunidade da Lomba do Pinheiro, como a necessidade de uma sinaleira na parada 20. Para o benefício da região estaremos sempre atentos.

Francisco Geovani de Sousa
Coordenador do Conselho Popular
 da Lomba do Pinheiro 

quinta-feira, 10 de setembro de 2015

CTG Pousada da Figueira terá Semana Gaudéria da Visão

Na Lomba do Pinheiro ocorrerá a segunda semana da visão. Ocorrerá entre os dias 14 a 20 de setembro no CTG Pousada da Figueira, intitulada: SEMANA GAUDÉRIA DA VISÃO!

O CTG esta situado na Estrada João de Oliveira Remião, na parada 17 e interessados devem entrar em contato para agendar sua consulta. A mesma é gratuita e armações e lente com preços promocionais. O exame visual tem de contra partida um quilo de alimento não perecível.

Organize sua consulta ligando para os fone 8028-1415 ou 3109-1914. Aproveite e seja beneficiado com essa campanha em benefício da sua visão.

Francisco Geovani de Sousa
Coordenador do Conselho Popular
da Lomba do Pinheiro

quarta-feira, 2 de setembro de 2015

Haitianos São Ouvidos na Reunião do Conselho Popular




Na noite desta quarta-feira (02/09/2015), Conselho Popular realizou reunião para tratar da situação vivida pelos imigrantes Hatianos residentes na região da Lomba do Pinheiro.

A mesma contou com dezenas de participantes e alguns Haitianos; CAR Lomba do Pinheiro; FASC; SMED; SMS, Sindicato da Construção Civil; UFRGS, demais lideranças e instituições ligadas à mobilidade humana, na capital.

Inicialmente foi feito relatos acerca do mapeamento prévio da população e dificuldades vividas pelos mesmos no nosso bairro e depois ouvido a fala de alguns desses, presentes.

São várias as dificuldades apontadas pelos mesmo. Uma pontual para as instituições do bairro, é a dificuldade de comunicação devido ao idioma, pois falam muito pouco o português. Outra é, que apesar de alguns obter profissão, terminam ocupando espaços na construção civil.

O preconceito, xenofobia são outras constatações relatadas. Essa realidade salientou o desafio dos presentes em promover alternativas diante do exposto. Mesmo sem um dado mais preciso, é possível que haja mais de 70 imigrantes residindo na região.

Dia 19/02/2015, será dado continuidade ao tema, com reunião de trabalho entre as instituições ali presente, para apontar um plano de ação. Ou seja, encontrar alternativas a partir dos relatos feitos pelos mesmo, estratégicas de aulas de português, da possibilidade de criar uma rede de comunicação na cidade, para identificar e acompanhar a rápido mobilização  dos mesmo de um bairro para outro; situação de saúde, educação... etc.

Os presentes ressaltaram e elogiaram a inciativa da reunião. Foi importante as diversas contribuições dos presentes, ficando claro que apenas estamos iniciando uma agenda com muitos novos desdobramentos.

Francisco Geovani de Sousa
Coordenador do Conselho Popular 
da Lomba do Pinheiro